Baku
Mitologia

Baku


۞ ADM Sleipnir



O Baku (貘 ou 貘) é uma criatura sobrenatural presente nas mitologias chinesa e japonesa, e que devora sonhos e pesadelos. Ele é similar a uma quimera, sendo comumente retratado com a cabeça de um elefante e o corpo de um leão ou com a cabeça de um leão, o corpo de um cavalo, a cauda de uma vaca, e as pernas e os pés de um tigre, dentre outras possíveis combinações de animais. Uma lenda diz que, após os deuses terem terminado a criação dos animais, eles pegaram todas as sobras ao redor e juntaram para criar o Baku.

O Baku teve sua origem no folclore chinês e de alguma forma, a lenda foi transmitida para o Japão, onde essa besta tornou-se associada com a tarefa de devorar sonhos. Durante o período Muromachi (1337-1573),  tornou-se popular a utilização de imagens de Baku como um talismã. Baku também se tornaram associados com o fantástico tesouro Galera, que muitas vezes tinha um baku pintado em suas velas. Durante o período Edo (1603-1868), travesseiros eram vendidos em forma de Baku, para prevenir sonhos ruins. O papel de devorador de sonhos foi incorporado ao Baku somente com a sua incorporação ao folclore japonês.




Existem duas formas conhecidas para invocar a ajuda de um Baku. A primeira é uma método preventivo, onde o indivíduo pede proteção ao Baku antes de dormir. A segunda, e mais potente invocação, pode ser feita imediatamente após um sonho ruim. Tudo o que se tem a fazer é dizer em voz alta três vezes: " Baku, venha comer meus sonhos". De acordo com a lenda, o Baku virá prontamente consumir a entidade do mal responsável por esses terrores noturnos e dar boa sorte para a pessoa que o chamou. Mas o Baku não pode ser convocado sem cautela. A fome de um Baku pode não ser saciada com um único sonho, e ele pode acabar sugando suas esperanças e ambições junto com o sonho, deixando a pessoa "oca".

O Baku é freqüentemente confundido com outro animal lendário chinês, o Hakutaku. No templo Gobyakukan -ji, em Tóquio, existe uma estátua chamada de Baku King, que era originalmente uma estátua de um hakutaku. O Torokuten (Seis Histórias da dinastia Tang) também fala de um animal sagradoque come sonhos  chamado bakuki, e é provável que os dois tenham sido fundidos em uma única lenda.

Enquanto muitos yokai e criaturas lendárias tem desaparecido da cultura moderna, passando a existir apenas na memória de acadêmicos e artistas, o Baku ainda é uma figura popular no Japão moderno. Ele aparece em muitas animações e mangás, embora na aparência eles se pareçam mais e mais com uma anta, e cada vez menos com a folclórica quimera.





loading...

- Tatuagens Japonesas - Irezumi Tattoo
Hou-uo Um pássaro sagrado para a entrega de boa sorte A partir dos tempos antigos, tem sido amado como uma ave considerada como um bom presságio. Hou-uo é o mais sagrados de todas as aves e é considerado como o rei de aves por causa de sua alta espiritualidade.Um...

- Quimera
Quimera é uma figura mítica que, apesar de algumas variações, costuma ser apresentada como um ser de cabeça e corpo de leão, além de duas outras cabeças, uma de dragão e outra de cabra. Outras descrições trazem apenas duas cabeças ou até...

- Pokémon: Influências Mitológicas
۞ ADM Sleipnir A franquia Pokémon me fascina desde criança. Mesmo hoje, apesar de não ter muito tempo para jogar os games ou assistir ao anime eu me interesso pelos novos pokémons que vão surgindo a cada geração e também pela história por...

- Hakutaku (bai Ze)
۞ ADM Sleipnir O Hakutaku (白澤 "Pântano Branco") é um sábio e quimérico yokai, semelhante a um boi branco com o rosto similar ao humano. Ele possui nove olhos e seis chifres no total, sendo 3 olhos e 2 chifres na cabeça, e a mesma...

- Sandman
۞ ADM Sleipnir Sandman (também conhecido no Brasil como João-Pestana) é  um personagem originário do folclore europeu, o qual dizem ser responsável por trazer os sonhos para as crianças durante a noite enquanto elas dormem, e ajuda...



Mitologia








.